As orquídeas crescem desde a floresta tropical até o círculo ártico. Com essa capacidade de se adaptar à diversidade e a praticamente todos os ambientes possíveis, parece que elas não teriam nenhum problema em serem cultivadas em casas ou jardins. Ainda assim, as orquídeas têm a reputação de serem difíceis de cultivar. Muitas delas são realmente difíceis, mas existem milhares de orquídeas, e é muito fácil encontrar uma que cresça com sucesso no lugar em que você esteja.

Se você é iniciante, a melhor opção para cultivar sua primeira orquídea será começar comprando uma planta madura. É quase impossível cultivar orquídeas a partir de sementes. Elas precisam de condições estéreis e da presença de um fungo especial, sem o qual uma orquídea nunca pode germinar. Esta é uma das razões pelas quais as próprias orquídeas enviam milhares de sementes e apenas uma ou duas delas germinam. O cultivo das orquídeas seguem algumas regras gerais, mas a principal e colocar as orquídeas em um local onde elas recebam luz solar. Como as horas de luz são muito limitadas no inverno e em climas mais frios, você pode instalar luzes artificiais para ajudá-las a crescer.

As orquídeas não são uma daquelas plantas que você pode regar um dia e depois ignorar por algumas semanas. As orquídeas precisam ser regadas uma vez por semana. Eles devem secar entre uma rega e a próxima, mas nunca devem ficar completamente secas. As orquídeas também não gostam do ar seco, para ter uma orquídea em casa, você provavelmente precisará de um umidificador. A maioria das orquídeas adora clima quente e úmido e pode suportar ate mesmo 80% de umidade no (ar).

As orquídeas são amantes de fertilizantes. Elas devem ser mantidas sempre fertilizadas, especialmente quando estão florescendo. Existem controvérsias entre jardineiros sobre qual o melhor fertilizante. Geralmente, o fertilizante líquido é o preferido. Existem também opções orgânicas como emulsões de peixes ou fertilizantes a base de minhocas. Se preferir, você pode usar fertilizantes sintéticos específicos para orquídeas como o BiofertPlus®.

Quanto ao meio de cultivo, todos têm sua própria fórmula favorita. Também depende do tipo de orquídea que você está cultivando. Você pode usar casca de abeto, fibra de coco, raízes de samambaia seca entre outros. Algumas orquídeas, como cymbidiums e paphiopedilums, são consideradas terrestres e podem crescer no solo. As orquídeas mais fáceis para iniciantes são Cattleyas, Epidendrumns, Oncidiums e Laelias. Seja qual for o tipo de orquídea que você planta, seja paciente. Seus esforços serão recompensados ​​com belas flores.